Morre Mãe Dináh em SP; laudo aponta infecção generalizada

Morre Mãe Dináh em SP; laudo aponta infecção generalizada

A causa da morte foi de uma infecção generalizada

Benedicta Finazza, mais conhecida como Mãe Dináh, morreu nesta sexta-feira (2), em São Paulo, em 2013, aos 83 anos.

Ela foi internada na última quinta (1º), no Hospital da Luz, na Vila Mariana, em São Paulo, segundo informou um funcionário do hospital ao R7. Ela estava com um quadro de infecção intestinal. A causa da morte foi de uma infecção generalizada. A informação da morte foi confirmada pelo secretário pessoal da vidente à reportagem.

O corpo é velado neste sábado (3) no Cemitério da Paz, no Morumbi, zona sul de São Paulo. O enterro está marcado para as 15h no local, informou um funcionário do cemitério ao R7.

Mãe Dinah nasceu no bairro do Paraíso, na zona sul de São Paulo. Ela contava em entrevistas que desenvolveu a mediunidade desde os três anos de idade.

Ela ficou famosa na década de 1990, quando supostamente previu o acidente aéreo que matou o grupo Mamonas Assassinas, em 1996. Desde então, passou a aparecer em programas de televisão, sempre com suas previsões para os anos vindouros. Ela gostava de dizer que gostava de fazer suas previsões "de novembro para frente".

A médium também sempre foi criticada por, supostamente ter previsto uma vitória do piloto Ayrton Senna no ano em que o mesmo morreu em um acidente na Fórmula 1, em 1994. Ela dizia que tinha pedido ao piloto pessoalmente para "tomar muito cuidado" na corrida que o matou na Itália.

Por conta dos erros em algumas previsões, ela virou motivo de brincadeira de alguns comediantes, como do humorístico Pânico na TV. Em 2013, ela protagonizou o comercial da nova MTV, no qual ironizava suas próprias previsões.

No fim de 2013, um vidente chamado Pai Francisco Borges falou em um vídeo na internet que Mãe Dináh deveria tomar cuidado com a saúde em 2014.

Fonte: r7