Mulher que foi empurrada no metrô continua internada na UTI

Mulher que foi empurrada no metrô continua internada na UTI

Maria da Conceição Oliveira, de 28 anos, perdeu o braço direito no acidente.

A mulher que foi empurrada nos trilhos do metrô há mais de uma semana continua internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da Santa Casa em São Paulo. Maria da Conceição Oliveira, de 28 anos, perdeu o braço direito no acidente. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, ela está consciente, estável e evoluindo bem. Na última sexta-feira (28), ela fez uma cirurgia na coluna.

Câmeras de vigilância flagraram o momento do acidente na estação Sé do metrô, no centro de São Paulo e a fuga do criminoso. A câmera da cabine de comando do maquinista registrou o momento em que ela foi empurrada por um homem. A plataforma estava lotada de passageiros. Depois da agressão, o homem fugiu pelos corredores da estação e passou pela catraca.

O homem suspeito de empurrar a vítima foi preso em um sítio em Minas Gerais, na madrugada da sexta-feira (28). Ao chegar à delegacia, Alessandro Souza Xavier, de 33 anos, não demonstrou arrependimento. O suspeito foi identificado depois que o irmão e a cunhada procuraram a Polícia Militar, após verem imagens de câmeras do Metrô veiculadas pela imprensa. Eles disseram que Xavier é esquizofrênico.

Fonte: r7