Mulher presa por sexo com cão é acusada de morder criança

Juiz agendou um novo julgamento

A australiana Jenna Louis Driscoll, de 27 anos, foi presa após fazer sexo com seu cachorro em Brisbane, na Austrália, em agosto de 2014. Quase liberada pela Justiça, Driscoll foi acusada de morder uma criança e de ter ferido um homem com uma faca, além de traficar maconha. Por isso, o juiz determinou que ela continuasse presa e agendou um novo julgamento.

O advogado de Driscoll, James Godbolt, afirmou que sua cliente teve relações sexuais com o animal por três vezes e que só fazia isso para agradar seu namorado.

Godbolt também completou que o rapaz pedia para a namorada gravar o ato, pois só assim conseguia ficar excitado. Das nova acusações, a australiana apenas admitiu ter "machucado de leve uma pessoa com uma faca".

Image title

Fonte: Com informações da UOL