Municípios sofrem com aumento da violência no Piauí

Municípios sofrem com aumento da violência no Piauí

A denúncia foi feita ontem pelo presidente da Associação Piauiense de Municípios.

A onda de violência vem tomando conta dos municípios piauienses, principalmente nos menores. A denúncia foi feita ontem pelo presidente da Associação Piauiense de Municípios (APPM), Francisco Macedo, durante reunião diante de várias autoridades.

Ele culpa a falta de delegados nas cidades do interior para o aumento da violência no interior. Segundo Macedo, que é prefeito do município de Bocaina, na região de Picos, a exigência de delegados concursados nas delegacias no lugar de delegados militares vem contribuindo para a ocorrências de crimes, a maioria causados em consequência de drogas.

“Isso porque as cidades ficam à mercê dos banidos, pois tais delegados ainda não chegaram”. O dirigente municipalista citou o caso de sua cidade, Bocaina, que, em apenas um mês, aconteceram três assassinatos. “É um absurdo o que vem acontecendo ”, disse, acrescentando que já esteve na Secretaria de Segurança, pedindo providências, mas até agora nada foi feito.

“Vamos procurar agora o novo secretário Robert Rios e denunciar a ele o que vem ocorrendo nos municípios”, garantiu. A reunião discutiu outros assuntos como o seguro safra, piso salarial dos professores, pré-sal, previdência social. Para Macedo, a reunião teve um balanço positivo e ajudou os municípios a traçarem estratégias para “sair do vermelho”.

“Foi uma reunião positiva para que possamos ter um avanço nessa questão com menos sofrimento para os municípios”, disse.

Fonte: Raimundo Gomes, Jornal Meio Norte