Músico deixa violino de R$ 500 mil em táxi de Nova York

Só depois que estava em seu apartamento ele percebeu que tinha esquecido o violino

O violinista sul-coreano Hahn-Bin, de 22 anos, esqueceu seu raro violino de 184 anos em um táxi, na segunda-feira (17), depois de um concerto em Long Island, ilha ao sul de Nova York (EUA), segundo reportagem do jornal ?New York Post?.

Só depois que estava em seu apartamento ele percebeu que tinha esquecido o violino. Ele imediatamente ligou para o órgão que fiscaliza os táxis em Nova York e para a polícia.

Felizmente, ele reencontrou o cobiçado instrumento, avaliado em US$ 500 mil, 15 horas mais tarde. As autoridades não tiveram tanta dificuldade para localizar o veículo em que estava o violino, já que todos os táxis contam com GPS (sistema de posicionamento global por satélite).

Pelo GPS, as autoridades descobriram que Dalbir Singh tinha sido o último taxista a ter o instrumento em seu poder antes de seu turno acabar. Os agentes ligaram para Singh, que confirmou ter encontrado o instrumento.

Fonte: g1, www.g1.com.br