Mutirão para jovens infratores começa na segunda-feira (17) no Estado do PI

A solenidade de abertura será às 9 horas, no Pleno do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJPI)

Começa nesta segunda-feira (17), em Teresina, o Mutirão, Eficiência e Socioeducação, iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e de autoridades piauienses ligadas à questão dos jovens em conflito com a lei.

Até o dia 27 de fevereiro, as condições das unidades de internação de Teresina serão verificadas, assim como os processos de todos os adolescentes que cumprem medida socioeducativa no Estado.

Também serão emitidos documentos (RG, título de eleitor) aos jovens internos, que terão palestras sobre saúde, educação, seus direitos e deveres na instituição onde vivem. A solenidade de abertura será às 9 horas, no Pleno do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJPI). O juiz auxiliar da Presidência do CNJ Douglas Martins participará do evento.

A presidente do TJ-PI, desembargadora Eulália Pinheiro, recebeu ontem os juízes Maria Luíza de Moura Melo e Freitas e Antônio Lopes de Oliveira, titulares, respectivamente da 1ª e 2 ª Varas da Infância e Juventude de Teresina, para tratar do mutirão.

A juíza Maria Luíza tratou ainda da transferência das instalações da 1ª Vara da Infância e Juventude para o prédio do fórum "Desembargador Joaquim de Sousa Neto", possibilitando reforma a médio prazo no imóvel ocupado pelo juizado anteriormente.

Fonte: Savia Barreto