Nesta segunda inicia nova etapa da quimioterapia de Lula

Nesta segunda inicia nova etapa da quimioterapia de Lula

Hospital Sírio-Libanês avaliou tumor com "nível de agressividade médio".

O ex-presidente Lula inicia nesta segunda-feira (21) a segunda etapa da quimioterapia contra um câncer na laringe. O Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde ele faz o tratamento desde que a doença foi diagnosticada, em 29 de outubro, não divulgou que procedimentos serão tomados e nem por quanto tempo Lula deverá permanecer internado.

O exame que identificou um tumor maligno na laringe de Lula foi feito num sábado. Na segunda e terça-feira seguintes, o ex-presidente iniciou e concluiu a primeira fase da quimioterapia. Ele saiu do hospital com um cateter que controlou a liberação dos medicamentos por mais 120 horas.

De acordo com a equipe médica do Sírio-Libanês, o tumor tem "nível de agressividade médio" e não deverá ser necessário fazer cirurgia. Ao todo, o ex-presidente passará por três rodadas de tratamento, contando com a que já foi concluída. O intervalo entre elas é de cerca de 21 dias. Uma radioterapia deverá ser feita num período entre três e quatro semanas após a última etapa da quimioterapia.

Nesta quarta-feira (16), o Instituto Lula divulgou imagens do ex-presidente tendo a cabeça e a barba raspadas pela sua esposa, Marisa Letícia. O presidente quis se antecipar à queda do cabelo, efeito da quimioterapia.

Fonte: g1, www.g1.com.br