Neto denuncia descaso com morte da sua avó no Hospital do Buenos Aires

Segundo o neto da idosa, os familiares ainda não sabem o motivo do falecimento de Isabel Paulina

O assessor parlamentar, Antônio Marcos da Silva Santos, denunciou a reportagem do meionorte.com descaso com o falecimento de sua avó. Segundo ele, a idosa Isabel Paulina Alves,de 85 anos, estava internada há 10 dias no Hospital do Buenos Aires, na zona Norte, de Teresina e veio a falecer na madrugada deste domingo (9), por volta das 4h:50 da manhã e até às 9h:30 o corpo não havia sido liberado por não haver carro para transferir a idosa para o Hospital de Urgências de Teresina (HUT) para registro de óbito e liberação do sepultamento.

Segundo o neto da idosa, os familiares ainda não sabem o motivo do falecimento de Isabel Paulina. Ele afirmou que foi retirado um aparelho chamado oxímetro de pulso de sua avó para que outra paciente fizesse uso do mesmo, já que no hospital só existe um aparelho desse tipo. "Minha avó era paciente de UTI (Unidade de Terapia Itensiva), mas não existem leitos disponíveis no hospital. Isso é um descaso com a família, não culpo os médicos e os enfermeiros e sim o sistema", disse Antônio Marcos.

O assessor afirmou que o corpo de sua avó se encontra em uma pedra do hospital e a família sofre sem poder fazer um velório digno para a anciã. "Queremos ter a consideração de sepultar minha avó de forma digna. Vamos atrás de informação e estão desencontradas. Isso é uma falta de respeito", desabafa.

Fonte: Waldelúcio Barbosa