Nordeste é região mais otimista com futuro da economia nacional

Pesquisa domiciliar inédita do Ipea mostra o que as famílias brasileiras esperam da economia no futuro próximo

O Nordeste é a região que registra maior otimismo em relação ao comportamento da economia nacional nos próximos 12 meses. O índice é de 74% contra 58% de média nacional. O dado faz parte do Índice de Expectativas das Famílias (IEF), do Ipea, divulgado nesta terça-feira, no Rio de Janeiro.

A região também registra índice acima da média nacional com relação às famílias que acreditam ter melhorado sua condição financeira no último ano (78%). A média nacional é de 73%. A proporção de famílias sem dívidas também é superior na região: o índice é de 53% contra 45% de média nacional. Com relação à expectativa de consumo, o Nordeste é a região mais otimista: 64% das famílias nordestinas acreditam que o presente seja um momento ideal para a aquisição de bens de consumo duráveis, contra 53% de média brasileira.

IEF

O indicador reflete a percepção das famílias sobre questões como sua condição financeira em comparação à de um passado recente e expectativas para um futuro de curto a médio prazo. Por meio da aplicação de 3.772 questionários presenciais nas casas dos entrevistados, são levantadas as expectativas das famílias das cinco regiões do Brasil.

O IEF aponta se as pessoas se sentem seguras na sua ocupação atual e se têm expectativas de alguma melhoria profissional no curto prazo. Entre os aspectos medidos, constará a confiança das famílias na economia nacional, o grau de endividamento delas e as expectativas sobre o mercado de trabalho. O índice capta ainda a expectativa sobre as condições de as famílias quitarem suas dívidas e contas atrasadas.

Fonte: Assessoria