Elmano: Nova ponte do Poti será licitada este mês

Elmano: Nova ponte do Poti será licitada este mês

Prefeito disse que para nova ponte paralela à Wall Ferraz e o viaduto serão aplicados R$ 28 milhões.

O Tesouro Nacional liberou para a capital R$ 49 milhões através de operação de crédito intermediada pelo Banco do Nordeste e a Prefeitura Municipal, e que contemplará nove projetos já aprovados para Mobilidade Urbana na capital. A licitação será imediata, explica o prefeito Elmano Férrer. ?Os projetos já existem e foram aprovados pelo Banco Nordeste, que é o agente financeiro da operação e avaliou positivamente nossa capacidade de endividamento. A licitação será imediata e faremos um grande ato que deve contar com a presença do Ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, e do presidente do Banco do Nordeste, Jurandi Santiago, para a assinatura do contrato. Quero fazer isso ainda neste mês de março?, adiantou Férrer.

Há cerca de dois meses, Elmano Férrer, o senador Ciro Nogueira, além da secretária de Finanças do município, Vanessa Neiva, estiveram em reunião com o secretário do Tesouro Nacional, Arno Filho, para a negociação de liberação do montante. O prefeito Elmano Férrer explica que para a construção

de uma nova ponte, paralela à Wall Ferraz e a construção de um viaduto no cruzamento das avenidas

Barão de Castelo Branco e Higino Cunha serão aplicados R$ 28 milhões.

Ele revelou ainda que o dinheiro será utilizado para abertura da avenida Ulisses Marques, na zona lesta, que ligará na primeira etapa a avenida Presidente Kennedy à Universidade Federal do Piauí. ?Este será um grande corredor com seis pistas, ciclovias, ciclofaixas, e contará com uma belíssima iluminação.

Outro projeto que será contemplado também será a duplicação da avenida Rio Poty, que segue do Poti Velho à Santa Maria da Codipi?, disse. Elmano completa que a região norte também será contemplada com outro projeto que começa na zona leste, o alargamento da avenida Josué de Moura Santos, na altura da Pedra Mole, partindo da avenida Presidente Kennedy até o Posto Fiscal da Codipi. ?Será

um corredor importante para as duas regiões?, frisou Férrer.

?Teresina cresce a cada dia e o trânsito está ficando cada vez mais complicado. A aplicação dos recursos para melhorar a infraestrutura, criando novos corredores como o da região da Santa Maria da Codipe e na zona leste nas proximidades da Universidade Federal do Piauí, com certeza, trarão mais qualidade de vida para a população da nossa capital?, destacou Ciro Nogueira.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte