Número de pacientes ortopédicos é menor que de leitos no HUT

Número de pacientes ortopédicos é menor que de leitos no HUT

Segundo presidente da Fundação Hospitalar, restam cerca de 50 pacientes, a maioria já operado e esperando alta

A Fundação Hospitalar de Teresina, órgão criado recentemente para cuidar apenas dos hospitais da capital, já mostra resultados. Segundo o presidente, o médico Aderivaldo Andrade, a situação da área ortopédica do HUT (Hospital de Urgência de Teresina) está sob controle.

?Não há crianças hoje nas dependências do HUT esperando cirurgia ortopédica: toas estão operadas ou sendo operadas no hospital infantil. Houve uma parceria, que está consolidada e que não deverá ter retrocesso?, disse Aderivaldo.

Um mutirão foi feito pelos médicos do HPM (Hospital da Polícia Militar) e HGV (Hospital Getúlio Vargas), e onde antes haviam em torno de 150 pacientes ortopédicos nas dependências do HUT, e hoje há menos de 50, operados e esperando alta.

?Então hoje há no hospital uma quantidade de pacientes ortopédicos menor que o número de leitos. Ou seja, não há nenhum doente com fratura nos corredores do HUT. É o grande êxito da administração até agora?, relatou o presidente da Fundação Hospitalar.

Fonte: Andrê Nascimento