Obra na Avenida Boa Esperança prejudica trânsito na zona Norte de Teresina

A situação é tão crítica que os carros precisam parar para esperar os condutores que vêm no sentido contrário da via, pois não há mais como manter o fluxo duplo na estreita via

A Avenida Boa Esperança, localizada na zona Norte de Teresina, está praticamente intrafegável em razão de obras que estão sendo realizadas pela Prefeitura Municipal de Teresina.

Obras na Avenida Boa Esperança


Os carros passam por dificuldades no trecho mais complicado da via, que está completamente esburacado. Em alguns pontos, parece que o local nunca teve asfalto.

A situação é tão crítica que os carros precisam parar para esperar os condutores que vêm no sentido contrário da via, pois não há mais como manter o fluxo duplo na estreita via. Caminhões, ônibus e veículos maiores encontram ainda mais dificuldade para atravessar o percurso repleto de crateras.

Além dos motoristas e transeuntes, quem mais sofre são os moradores do entorno. Isso porque os carros passam e levantam poeira, que acaba deixando as salas e terraços das casas muito sujos.

Em razão disso, não é incomum ver as pessoas saindo de suas casas com latas d’água para jogar nos buracos de poeira, na tentativa de amenizar a formação de nuvens de areia.

Dona Maria Santana, de 63 anos, que mora ali há muito tempo, diz que nunca na história do Poty Velho a Avenida Boa Esperança esteve tão prejudicada. “Aqui sempre tivemos a rua estreita, mas isso não nos atrapalha. O problema é essa buraqueira toda, que deixa essa “poeirona” que acaba com a saúde da gente. A gente vive espirrando, com o nariz ruim”, comenta.

Mais a frente, quem reclama é o comerciante Francisco de Assis. “Essa porqueira toda aí é desse negócio de Lagoas do Norte. Eles, da prefeitura, fazem um serviço porco desses e deixam a gente aqui no prejuízo. Como servir a clientela nessa porqueira aí?”, questiona apontando para a nuvem de poeira em frente ao seu comércio.

Transporte público também é prejudicado

A Avenida Boa Esperança também é utilizada pelo transporte público de Teresina, que vem da Avenida Maranhão em direção aos bairros mais distantes da zona Norte da capital.

No entanto, os veículos têm ainda mais dificuldade para passar pelos trechos esburacados da via, e andam quase parando. Além de atrasar a rota e os usuários, também é comum pneus furados.

Os que estão na parada de ônibus ainda são obrigados a ficar, literalmente, no meio da poeira. "Pelos motoristas, eles nem passavam mais aqui, porque é muita dificuldade.

A gente passa quase meia hora só pra passar daqui da Avenida [Boa Esperança], porque está muito esburacada e demora para o ônibus conseguir ir para frente", explica a dona de casa Socorro Soares. "É um martírio pegar o Santa Maria aqui", considera a estudante Fábia Pinto.

SDU já notificou a empresa responsável

A reportagem buscou informações junto a Superintendência de Desenvolvimento Urbano da zona Centro-Norte (SDU/Centro-Norte). Segundo Ângelo Cavalcante, superintendente executivo, os buracos são fruto de uma obra que tem como objetivo reforçar o abastecimento de água e a implantação de tubulações de esgoto, que faz parte do Lagoas do Norte.

A construtora, porém, foi comunicada pela SDU sobre os buracos, e deve tomar as medidas cabíveis para sanar o problema. "A empresa que está executando a obra já foi notificada, entretanto o período chuvoso potencializa o problema", finaliza Cavalcante.


Fonte: Pollyana Carvalho e Lucrécio Arrais