Oleiros serão capacitados e vão produzir tijolo ecológico na zona Norte de Teresina

Oleiros serão capacitados e vão produzir tijolo ecológico na zona Norte de Teresina

Segundo explicou Olavo Braz, com o tijolo ecológico os oleiros vão produzir mais, ganhar melhor e colaborar com a preservação ambiental

Os oleiros do bairro São Joaquim serão capacitados para a produção de tijolos ecológicos. A ideia foi apresentada ontem pelo secretário municipal de Economia Solidária de Teresina, Olavo Braz, durante encontro realizado na sede da Associação Teresinense dos Profissionais em Olarias. A Fundação Wall Ferraz também oferecerá cursos de capacitação profissional para as mulheres do bairro.

?Com o tijolo ecológico os oleiros vão produzir mais, ganhar melhor e colaborar com a preservação ambiental?, explicou Olavo Braz. Outras reuniões serão promovidas pela Semest para explicar de forma promenorizada o sistema de produção de tijolos ecológicos.

A presidente da Fundação Wall Ferraz, Samara Cristina Pereira, informou que serão oferecidos cursos de capacitação profissional em várias áreas, como estética e culinária. Os cursos serão voltados especialmente para as mulheres do bairro que foram afastadas das olarias.

O representante da associação dos oleiros, Luis Felipe da Costa, manifestou a satisfação da comunidade com a chegada das ações da Fundação Wall Ferraz e da Secretaria Municipal de Economia Solidária de Teresina.

Atualmente os oleiros estão produzindo tijolos na região da Santa Maria da Codipi.

O gerente de Tecnologia da Semest, Osvaldo de Jesus, disse que o tilojo ecológico será produzido com a utilização de argila e cimento, o que dispensa a utilização de fornos e a queima de madeira. ?Trata-se do tijolo frio, prensado em máquinas, que não polui, não é quente e não degrada o meio ambiente?, argumentou.

Fonte: Jornal Meio Norte