Mal de Lorenzo: irmãos precisam de transplante

Mal de Lorenzo: irmãos precisam de transplante

José Victor e Matheus, de 7 e 6 anos, sofrem do Mal de Lourenzo, e precisam de transplante de medula óssea

O médico Fernando Modesto, pai dos irmão José Victor e Matheus Castelo Branco, de 7 e 6 anos, fez um apelo por doadores de medula óssea para salvar a vida dos dois garotos. José e Matheus sofrem de adrenoleucodistrofia, ou Mal de Lorenzo, uma doença degenerativa que ataca o sistema nervoso do paciente, e atinge uma pessoa em cada 500 mil.

Até o apresentador Datena, da Rede Bandeirantes, se sensibilizou com a história dos garotos, e apresentou em seu programa uma breve história dos dois. Após sofrer um desmaio quando estava na escola, José Victor passou por um exame de ressonância magnética, onde foi diagnosticada a doença. A solução seria então o transplante de medula. O irmão Matheus era um doador compatível com José Victor, mas logo veio a segunda má notícia: Matheus também era portador da doença.


Pai faz apelo por transplante para filhos com doença rara

A família agora procura por doadores compatíveis com os meninos. ?Um único adulto compatível salvaria a vida dos dois, já que eles são compatíveis entre si?, disse Fernando Modesto. O exame de compatibilidade é bem simples, e colhe apenas 8 ml de sangue, como num exame de sangue comum. ?As pessoas pensam que se faz com um agulha enorme, direto na coluna, e não é nada disso?, afirmou o médico. Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos pode ser um doador em potencial para os dois irmãos. Para fazer o exame de compatibilidade, basta ir até o Hemopi, ao lado do Hospital Getúlio Vargas (HGV), ou no hemocentro da sua cidade.

Uma caminhada em prol da doação de sangue e medula será realizada no domingo, dia 25, às 8 horas, com início na Ponte Estaiada, zona Leste de Teresina, até a ponte da Primavera. O pai e familiares de José Victor e Matheus estarão lá, assim como muitas outras pessoas que apoiam a causa.

Fonte: Andrê Nascimento