Pais pedem ajuda para tratamento de bebê que tem braço gigante

Pais pedem ajuda para tratamento de bebê que tem braço gigante

Pais pedem ajuda para tratamento de bebê que tem braço gigante

A menina Nicole, de cinco meses, sofre de linfangioma, uma doença que impede o fluxo de oxigênio no braço e causa a formação de tumores benignos.

Os pais do bebê, Ana Patrícia Vieira e Flávio Cardoso, pedem ajuda para tratar a filha, pois vivem apenas com uma renda familiar de R$ 600 na Rocinha, favela da zona sul do Rio.

O problema foi identificado na gravidez. Desde então, a menina precisa tomar remédios para a dor e tem dificuldades para se mexer por causa do peso do braço.

A família não sabe se será preciso uma cirurgia, ou se a doença pode ser tratada apenas com medicamento.

A direção do Hospital Federal dos Servidores do Estado informou, nesta quinta-feira (17), que a paciente Nicole Vieira Cardoso é acompanhada pela equipe da unidade e solicita o comparecimento da paciente na próxima sexta-feira (18), às 10 horas.

De acordo com o hospital, linfangioma não tem cura, mas exige tratamento e acompanhamento das especialidades para se prevenir das infecções provenientes da doença.

Fonte: R7, www.r7.com