País tem 2 milhões de jovens de 15 a 17 anos fora do ensino médio

Uma das hipóteses é que estudantes estejam matriculados na EJA

Dois milhões de estudantes de 15 a 17 anos estão fora do ensino médio, de acordo com o resumo técnico do Censo Escolar 2011, divulgado pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais).

Segundo o relatório, o ensino médio registra atualmente 8,4 milhões de matrículas. Entretanto, o Brasil tem 10,4 milhões de jovens nesta faixa etária.

Uma das hipóteses apontadas pelo documento é que parte desses adolescentes esteja matriculada na EJA (Educação de Jovens e Adultos), que concentra 1.322.422 estudantes no ensino médio pela modalidade.

O Censo Escolar também mostra que os alunos que frequentam os anos iniciais do ensino fundamental da EJA têm idade muito superior aos que estão nos anos finais e o ensino médio dessa modalidade.

Ainda assim, segundo dados da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) de 2009, o Brasil tem uma população de 57,7 milhões de pessoas com mais de 18 anos que não estão na escola e não têm o ensino fundamental completo. Esse contingente deveria ser considerado uma parcela da população a ser atendida pela EJA.

Outra hipótese é que os estudantes estejam retidos nas séries finais do ensino fundamental, já que 1.154.492 de alunos estão no fundamental estão acima da faixa etária atendida por essa etapa de ensino.

Nota-se, pelo fluxo escolar, que parte os estudantes que concluem o ensino fundamental não estão migrando para o ensino médio na idade adequada.

Matrículas

Ao todo, o Brasil tem 194.932 estabelecimentos de educação básica, nos quais estão matriculados 50.972.619 alunos, sendo 43.053.942 (84,5%) em escolas públicas e 7.918.677 (15,5%) em escolas da rede privada.

As redes municipais são responsáveis por quase metade das matrículas (45,7%), o equivalente a 23.312.980 alunos, seguida pela rede estadual, que atende a 38,2% do total, 19.483.910 alunos. Já a rede federal, com 257.052 matrículas, participa com 0,5% do total.


País tem 2 milhões de jovens de 15 a 17  anos fora do ensino médio

Fonte: r7.com