Parada da Diversidade reúne multidão na Ponte Estaiada em Teresina

Parada da Diversidade reúne multidão na Ponte Estaiada em Teresina

Reunindo milhares de pessoas no final de semana a Parada da Diversidade aconteceu mais uma vez na Avenida Marechal Castelo Branco. Com foco no combate à homofobia, o slogan deste ano foi centrado

A 13ª edição da Parada da Diversidade reuniu, no último domingo (14), uma multidão na Avenida Raul Lopes. O evento começou no início da noite, com concentração na Ponte Estaiada, e finalizou, a exemplo de anos anteriores, com uma atração nacional. Neste ano, quem comandou o Show da Diversidade foi a cantora Rita Beneditto.

A coordenadora do Grupo Matizes, Marinalva Santana, afirmou que o evento não é uma forma de combater apenas a homofobia, mas qualquer tipo de intolerância, seja religiosa, sexual, de cor, ou qualquer outra. “Nós não olhamos apenas para o nosso próprio umbigo, mas priorizamos o combate a qualquer tipo de preconceito. A nossa parada é da diversidade, então não tem como ser diferente”, afirmou.

E foi pensando nisso que a assistente social Lorena Madeira foi ao evento, na noite de ontem, com o seu marido e seu filho de dois anos de idade. “Levei meu filho de dois anos e o outro que ainda está na barriga. Eventos como esses servem para chamar a atenção para a importância de se combater a homofobia e nada melhor do que ensinar dando exemplo. Assim ele aprende a conviver com a diversidade e vai se acostumando desde pequeno”, disse.

Já a estudante Cintia Maria Viana juntou um grupo de amigos, fez camisa para padronizar o grupo, e foi para a avenida se divertir e dizer não ao preconceito. “O preconceito e a discriminação aqui em Teresina ainda são muito fortes e precisam ser combatidos todos os dias. Essa é uma ótima oportunidade de unir todos, em torno dessa festa bonita”, afirmou.

O evento este ano foi um pouco diferente de anos anteriores, pois não teve o percurso. O palco do show principal foi montado no estacionamento da Ponte Estaiada e todo o evento aconteceu no local. Antes da apresentação de Rita Benedito, a Parada da Diversidade contou ainda com um DJ, apresentação de grupo de dança afro e performance de drag kings. 

“A Parada da Diversidade este ano foi cheia de atrações, temos o show Tecnomacumba da Rita Beneditto, que estourou em nível nacional e ainda estas outras atrações que agradaram bastante os teresinenses”, pontuou Carmem Lúcia Ribeiro, do Matizes. A Parada da Diversidade fez parte da programação da 10ª Semana do Orgulho de Ser, que teve início no dia 10 desse mês e vai até o dia 17.

PM e segurança particular garantiram a tranquilidade 

A segurança foi reforçada para manter a tranquilidade do evento, durante as várias horas de festa. A Polícia Militar colocou 70 homens na avenida e o Grupo Matizes contratou ainda 30 seguranças particulares. Marinalva explica que essa foi uma forma de prevenir qualquer eventualidade, apesar de o evento não ter histórico de violência. 

“Eventos anteriores mostram que a Parada da Diversidade é uma festa tranquila, mas, por precaução, nós quisemos reforçar a segurança. Além dos homens da PM e da segurança particular, nós tivemos ainda uma unidade da Polícia Civil”, disse. Já a segurança no trânsito foi feita pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), que disponibilizou agentes para organizar o trânsito e orientar os condutores sobre a utilização de vias próximas ao Complexo Turístico da Ponte Estaiada.










Clique e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Pollyanna Carvalho