Parque Empresarial de Timon pode empregar até 3.500 pessoas

O empreendimento é reflexo do desenvolvimento econômico da cidade que vem se destacando entre as cidades como melhor área de investimento do país.

O Parque Empresarial de Timon deve empregar 3.500 pessoas em até três anos. O projeto que foi entregue no final do ano passado já é uma realidade, a primeira das 42 empresas negociadas está se instalando no local. De acordo com o secretário de desenvolvimento Econômico, Trabalho e do Turismo, Victor Hugo Almeida, o Parque trará mudanças econômicas, estruturais e sociais para a cidade, que deixará de ser apenas uma cidade dormitório para sua população que vem à Teresina em busca de trabalho.

"Nós deixaremos de ser uma cidade dormitório, cuja população de 165 mil habitantes com apenas 12 mil carteiras assinadas, se levarmos em consideração Teresina que tem mais 250 mil carteiras assinadas para 850 mil habitantes. Esse empreendimento representa a mudança de identidade de uma cidade que levará a sua independência econômica . Dessa forma, além de exportar mão de obra estaremos fazendo o mais  importante, gerando empregos", declara.

Com uma área de um milhão de metros quadrados e investimento de R$ 350 milhões, o Parque possui uma estrutura multimodal logística, com uma estrutura composta de aeroporto, sistema ferroviário e rodoviario, estação de energia que gera eletricidade de qualidade, internet por fibra ótica. Tudo para dar suporte as empresas de construção civil, setor têxtil, metal mecânico, alimentos e bebidas.

Ainda segundo o secretário, Timon sediará o Parque Tecnológico que atualmente está em fase de planejamento. O projeto está voltado para a área de comunicação, com possibilidade para empresas de call center e de produtos de software.

 


Fonte: Rhauan Macedo