"Pedala, Teresina" reúne ciclistas nas ruas da capital

De acordo com os organizadores do evento, o número de ciclistas vem aumentando a cada edição

A manhã de domingo(7) foi marcada por mais uma edição do passeio ciclístico ?Pedala, Teresina?, ação desenvolvida pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEMEL). Em sua segunda edição, a ação, que teve início no dia 28 de abril, reuniu mais de 220 inscritos, fora as pessoas que se integraram ao grupo que pedalava ao longo de todo o percurso percorrido.

De acordo com os organizadores do evento, o número de ciclistas vem aumentando a cada edição e a expectativa é que dobre já na próxima pedalada que está marcada para acontecer no dia 18 de agosto, dentro da programação das comemorações relativas ao aniversário de Teresina, como destaca Galba Coelho, secretário da Semel.

?Neste percurso percorremos 17 km, com a largada tendo saída às 8h do projeto Lagoas Norte, percorrendo vários bairros da zona Norte, como São Joaquim, Mocambinho e Alto Alegre, e retornando ao Lagoas do Norte. A ação é organizada pela Prefeitura Municipal de Teresina e o prefeito Firmino Filho, assim como na primeira edição, veio prestigiar o evento participando da pedalada em todo o seu percurso?, destacou o secretário Galba Coelho.

?O objetivo do evento é incentivar a atividade física e o uso da bicicleta na cidade e, principalmente, que ela seja vista como uma alternativa de mobilidade urbana. O ciclismo faz parte da agenda da cidade e, além de contribuir para a melhoria da qualidade de vida, por ser uma atividade física saudável, pode ser um meio eficiente de transporte?, ressaltou Firmino Filho.

No final da pedalada,os ciclistas inscritos também concorreram a um sorteio de três bicicletas. ?Os três ganhadores pertenciam aos bairros Esplanada, Ininga e Vila Operária, mostrando que pessoas de toda a cidade foram prestigiar o Pedala, Teresina, que é um evento que ganhou esse nome já este ano, mas que já acontece como passeio ciclístico há mais de 22 anos, com muita tradição?, conta João Henrique Rufino, Gerente de Esportes da Semel.

Atletas pedem mais ciclovias

O ?Pedala, Teresina? contou com a participação de vários grupos que reúnem ciclistas da capital. Os atletas aproveitaram o momento para tentar sensibilizar a esfera pública para muitos problemas ainda enfrentados pelos praticantes do ciclismo.

O caso do ciclista identificado como Oswaldo Marques de Sousa, que faleceu após ser atropelado por um ônibus da empresa São Joaquim, na noite da última quinta-feira (04), foi um dos pontos tocados pelo grupo THE Trilhas. A vítima era natural do Ceará e praticava esporte na PI-113, que liga José de Freitas a Teresina, quando aconteceu o acidente.

?A gente está fazendo esse protesto em busca de termos por toda a cidade mais ciclovias e mais ciclofaixas e aproveitando, infelizmente, para mostrar nosso luto em virtude da morte do nosso colega Oswaldo, que estaria aqui hoje participando deste evento, mas por uma fatalidade, não pôde e está com Deus, lamentou um dos membros do grupo que levaram faixas e cartazes reivindicando espaços apropriados para o ciclismo na capital, Delson Carvalho.

Os problemas que os ciclistas enfrentam em Teresina começam pelo desrespeito das regras básicas de trânsito e da relação dos ciclistas com os motoristas. De acordo com o Código Nacional de Trânsito, os veículos maiores devem respeitar os menores, ou seja, pedestres e ciclistas têm prioridade. No entanto, o que se vê é pouco conhecimento dos motoristas quanto a isso.

Fonte: Marcilany Rodrigues