Pedreiro cava fossa e encontra urna com esqueleto em quintal

Ossada foi levada pelo Instituto Médico Legal.

Uma possível descoberta arqueológica foi feita na manhã deste sábado em uma casa localizada na rua Mucuim do bairro Japiim, na Zona Sul de Manaus. Lá, o operador de máquinas Ronaldo Frós, de 44 anos, descobriu uma urna antiga com um esqueleto humano em seu quintal. A ossada estava há oito palmos do chão e foi encontrada pelo cunhado de Ronaldo, o pedreiro Marivaldo de Oliveira, de 29 anos, que cavava no local, desde o dia anterior, um buraco para fazer uma fossa.

Em entrevista, Ronaldo contou que estava trabalhando quando recebeu "o susto". "Eu estava no trabalho e recebi uma ligação do meu cunhado, informando que tinha encontrado um esqueleto na minha casa. Tomei logo um susto, mas depois que ele explicou direito achei algo muito interessante", disse.

O cunhado de Ronaldo, responsável pela descoberta, contou que os ossos estavam se decompondo e que, acima da urna, estava uma cerâmica em formato de cabeça de algo parecido com um animal. "Eu toquei em um dos ossos e ele foi se desfazendo todinho, que nem areia. Em cima da urna tinha essa cabeça de cerâmica que parece um porco", relatou.

A urna é feita de barro e aparenta ser muito antiga. O proprietário da casa, localizada na rua Mucuim do bairro Japiim, Zona Sul de Manaus, ligou para o Instituto Médico Legal (IML) levar os ossos e disse que ainda não sabe se vai ou não chamar algum historiador ou antropólogo até o local para averiguar a idade da descoberta. Independentemente de sua decisão, ele afirmou que quer ficar com a cabeça de cerâmica. "É uma recordação do dia em que encontrei uma urna no meu quintal", brincou o operador.


Pedreiro cava fossa e encontra urna com esqueleto em quintal

Pedreiro cava fossa e encontra urna com esqueleto em quintal

Pedreiro cava fossa e encontra urna com esqueleto em quintal

Fonte: G1