Pedreiro morre ao ser esfaqueado no peito após briga em Campo Maior

O acusado de praticar o crime é um homem identificado como “Toinho” que foi atingido também com uma facada na confusão


O pedreiro Geovane Pereira da Silva, 33 anos, morreu após levar uma facada no peito após se envolver em uma briga comunidade Poção II, município de Campo Maior a 84Km de Teresina.

O acusado de praticar o crime é um homem identificado como “Toinho” que foi atingido também com uma facada na confusão. Ele foi para o Hospital Regional de Campo Maior, mesmo local onde Geovane estava sendo socorrido. Ao saber da morte da vítima “Toinho” achou melhor fugir, mesmo sem ter tido alta do hospital.

Segundo informações, a vítima tentava separar a briga e acabou sendo confundido pelo assassino como um dos seus rivais na confusão. Quando estava voltando para casa Geovane foi atacado com um golpe de faca no peito.

      
 
Clique e Curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Portal de Campo Maior