Piauí pode ter curso técnico de energia renováveis; saiba

A princípio o curso será ofertado em um projeto piloto no município de Parnaíba, onde existe uma unidade do IFPI, demanda local e um grande potencial eólico na região.

Uma parceria, entre a Secretaria de Estado da Educação e Cultura (Seduc) com a empresa Omega Energia e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI), está sendo elaborada para a implantação de um curso técnico de Sistemas de Energia Renováveis.

Image title

Uma reunião, entre a Secretária de Educação Rejane Dias, o Reitor do IFPI, Paulo Henrique, e assessores, tratou da parceria que para ser implantada necessita da autorização da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), do Ministério da Educação

A solicitação para a implantação desse curso no Estado será feita para os órgãos responsáveis, tendo em vista a existência da demanda e a possibilidade de utilização das fontes de energia renováveis no Piauí", destaca Rejane Dias.

Neste primeiro momento está sendo acertado que o IFPI irá disponibilizar o espaço físico, professores e a elaboração do projeto pedagógico, enquanto que a Omega disponibilizará os laboratórios adequados para os cursos e a Seduc ficaria responsável pelas atividades de extensão.

A princípio o curso será ofertado em um projeto piloto no município de Parnaíba, onde existe uma unidade do IFPI, demanda local e um grande potencial eólico na região. Logo após a experiência, o curso será ofertado em outros municípios do Estado.

"A implantação deste curso é um pedido do governador Wellington Dias que está preocupado em aproveitar ao máximo o potencial de cada região do Piauí. Neste momento estamos ainda elaborando o projeto, para depois colocá-lo em execução. Este curso também será primordial na qualificação da mão de obra de nosso Estado", afirma Rejane Dias.

Fonte: SEDUC-PI