Piauí receberá R$ 48 milhões para combater o crack

Piauí receberá R$ 48 milhões para combater o crack

O anúncio do recurso foi feito ontem pelo Ministro da Saúde.

O Piauí receberá R$ 48 milhões para investir em ações de combate ao crack. O anúncio do recurso foi feito ontem (26) pelo Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, por videoconferência. Os recursos já estão disponíveis e serão voltados para construir uma rede de cuidados às pessoas dependentes químicas e família.

O investimento faz parte do Plano ?Crack: É possível vencer?, lançado no final do ano passado e que consiste numa ampliação do Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack, do Governo Federal. Dentro do programa, o Estado receberá várias intervenções no âmbito da segurança, saúde e educação.

Entre as ações, o Piauí contará com dois consultórios de rua, com equipe que trabalhará até a meia-noite e fará busca de dependentes químicos e seu devido acompanhamento. Serão disponibilizados também dois novos Centros de Apoio Psicossocial 24 horas. Hoje, o CAPS é o sexto maior do Brasil, com 45 centros instalados em todo o estado.

O trabalho nas comunidades terapêuticas também serão reforçados com financiamento para novos leitos. Segundo o Ministro da Saúde, está autorizada a contratação de 60 vagas em comunidades terapêuticas do Piauí, no valor de R$1 mil cada. Na área da assistência social serão ao todo R$22,6 milhões somente para a cidade de Teresina até 2013. Os demais municípios serão contemplados gradativamente.

?Vivemos numa epidemia do crack. Ele se alastra para a área rural, atinge pessoas de todas as classes e vemos que tem relação direta com o tipo de vida. Por isso a combinação de ações é fundamental. Essa situação complexa e contemporânea deve ser tratada com esse conjunto de ações e nós não podemos economizar no investimento para salvar vi-das?, explica Alexandre Padilha.

O governador Wilson Martins também estava presente na conferência e falou sobre a importância de todos os investimentos nas áreas da saúde, educação e segurança para o combate ao crack e outras drogas. ?Há uma necessidade muito grande de ampliar essas ações. Uma das ações importantes é a universalização do Ronda Cidadão que já existe em Teresina, levamos a Picos e será implantado em Parnaíba. Investimento também de R$40 milhões na educação implantando mais de 300 escolas somando aí a implementação do Mais Educação e Escola em Tempo Integral. Eu fico feliz de estarmos juntos implementando essas ações e não tenho dúvida de que através de ações como essas é possível vencer essa batalha?, completa Wilson Martins.

Fonte: Virgínia Santos