Piauí já registra mais de 45 mil inscritos no primeiro dia do Sisu

Piauí já registra mais de 45 mil inscritos no primeiro dia do Sisu

Piauí tem quase 46 mil inscritos no 1º dia

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foram divulgadas na noite da última sexta-feira, dia 03. Com o resultado, os candidatos já podem se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) - que centraliza as vagas de instituições públicas que usam o Enem como vestibular.

As inscrições foram abertas ontem (06) e segundo dado preliminar do MEC, o Sisu registrou até as 18h30 horas, de segunda-feira, 6, 1.058.715 inscritos. No Piauí, 45.953 alunos já haviam efetuado a inscrição no primeiro dia, o que representa 4,3% do total de inscritos.

O relatório que mostra o número de candidatos por estado põe o Piauí como o 9º maior número de inscritos, até o momento. O prazo para inscrições encerra no dia 10, sendo realizadas exclusivamente pela internet.

Para poder se inscrever, o candidato precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e não ter tirado nota zero na redação. Ele vai precisar do número de inscrição e da senha no Enem. O candidato que estiver sem o número da inscrição ou a senha poderá recuperá-los no site do exame.

O estudante concorre às vagas disponíveis no Sisu com as notas do Enem, mas não é preciso tê-las em mãos no momento da inscrição. Quando o candidato insere no site o número de inscrição e a senha, o Sisu recupera, automaticamente, as suas notas obtidas no exame.

Ao se inscrever no Sisu, o participante pode escolher até duas opções de curso, por ordem de preferência. É possível mudar estas opções durante todo o período de inscrição.

O candidato também precisa definir se deseja concorrer às vagas de ampla concorrência, às vagas reservadas à lei federal de cotas ou às vagas destinadas às demais políticas afirmativas das instituições.

Pela lei federal de cotas, as instituições devem reservar pelo menos 25% das vagas do Sisu para alunos que fizeram todo o ensino médio em escolas públicas.

Algumas instituições adotam notas mínimas para inscrição em determinados cursos. Se a nota do candidato não for suficiente para concorrer àquele curso, o sistema emitirá uma mensagem com esta informação.

Uma vez por dia, o Sisu calcula a nota de corte para cada curso com base no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso por modalidade de concorrência.

A nota de corte é a menor nota para ficar entre os potencialmente selecionados. Ela é apenas uma referência para auxiliar o candidato a monitorar sua inscrição e não é garantia de seleção para a vaga ofertada.

Durante o período de inscrição o candidato pode consultar sua classificação parcial na opção de curso escolhido em seu boletim na página do Sisu. Essa classificação é apenas uma referência e pode ser vista pelo estudante durante o período em que o sistema estiver aberto para as inscrições.

Ao final do período de inscrição, é divulgada a lista de selecionados e o boletim de acompanhamento irá trazer a classificação e resultado final. O candidato que não for selecionado em nenhuma das duas opções de curso nas chamadas regulares e aquele selecionado na segunda opção poderá aderir posteriormente à lista de espera. O resultado da primeira chamada será divulgado no dia 13 de janeiro e o da segunda, no dia 27.

Fonte: Aline Damasceno