Piauí tem bom desempenho em pesquisa que avalia estradas

Dos 3.084 km de rodovias pavimentadas que foram avaliadas pela CNT

O Piauí é um dos estados do Nordeste com maior crescimento proporcional em malha viária pavimentada, segundo levantamento divulgado nessa semana pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e que ganhou repercussão no site Exame.com. Pela pesquisa, que avaliou as estradas a partir de aspectos como a qualidade do pavimento e a sinalização das vias, a malha rodoviária pavimentada no Piauí passou de 3.982,3 km (em 2001) para 7.481,8 (em 2015), o que representa um crescimento de 87%.

De acordo com o estudo, em 2015, no Piauí, dos 3.084 km de rodovias pavimentadas que foram avaliadas pela CNT, 216 km estavam em ótimas condições de trafegabilidade, e 1.070 km estavam em boas condições.

Segundo o diretor geral do DER, José Dias, as estradas estaduais já tiveram em situação pior do que a atual, mas o empenho do Estado em investimentos voltados para a conservação e manutenção das estradas fez com que este cenário melhorasse significativamente. “Há uns vinte anos atrás, para você se deslocar até o extremo sul do Estado, era praticamente impossível. Viagens que hoje fazemos em seis horas para Bom Jesus, por exemplo, eram feitas em quase 11 horas ou mais. Nossa meta é continuar investindo em recuperação de todos os trechos danificados e continuar mantendo conservadas aquelas estradas recém pavimentadas”, destaca o gestor.

Outros 1.071 km de estradas piauienses foram considerados regulares pela CNT, 508 km foram classificados como ruins e 219 km como péssimos.

Os dados que integram o Anuário da Confederação Nacional do Transporte apontam ainda que, nos últimos 15 anos, as rodovias pavimentadas cresceram 23,2% no Brasil, uma média de apenas 1,5% ao ano. Enquanto em 2001, o país possuía 170,9 mil quilômetros com pavimento (9,8% da extensão total de rodovias), em 2015 esse número chegou a 210,6 mil quilômetros (12,2% do total).

Fonte: Com informações do Portal do Governo