“Piauí terá o maior plano de saneamento do país”, revela Henrique Pires

Piauiense revelou avanços conquistados na sua gestão apontando para a parceria do órgão com o Governo do Estado, que possibilitou a implementação de obras importantes nos municípios

Prestes a completar um ano no comando da Funasa (Fundação Nacional de Saúde), o engenheiro piauiense Henrique Pires revelou em entrevista ao Jornal Meio Norte, na tarde de ontem, os avanços conquistados na sua gestão, apontando ainda para a parceria do órgão com o Governo do Estado, que possibilitou a implementação de obras importantes nos municípios piauienses.

No período em que está a frente da fundação já são mais de R$ 350 milhões investidos no Piauí, e por intermédio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) estes índices saltam para R$ 500 milhões. “Já chegamos nesses valores, a gente investe em água, esgoto, banheiro. Agora, uma coisa importantíssima, nós vamos fazer o maior Plano de Saneamento Básico do Brasil com o governador Wellington Dias”, apontou.

Segundo o presidente da Funasa, a idealização do projeto partiu do Chefe do Executivo, com isso, o órgão federal disponibilizará todos os meios necessários para que o Estado conquiste melhorias no setor. Ainda de acordo com Pires, esta é uma grande preocupação, tendo a ciência que o Piauí precisa evoluir na área, de modo que parte da população não possui sequer banheiro em casa.

“O governador fez a solicitação, nós estamos esperando o pleito do investimento, para que a gente assine com ele um convênio e a Funasa proporcione, além do orçamentário, o apoio técnico para que o Estado possa ajudar os municípios a elaborar esse plano”, comentou.

As ações, inclusive, estariam pautadas em medidas que já estão sendo concretizadas. “Hoje nós temos no Piauí mais de 40 municípios que depois da nossa gestão estão com 100% de água nas suas casas, temos também a construção de aterros sanitários em municípios importantes, como José de Freitas, Regeneração, Campo Maior, outros menores, como Caridade, Caracol, são vários. Além da construção de banheiros”, afirmou.

PAC – O gestor também destacou a inauguração da primeira obra da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento, em que o Piauí foi o Estado da federação selecionado para recebê-la, a entrega deve acontecer no próximo mês.

 

Fonte: Francy Teixeira