Picos reúne 57 municípios para debater Controle Social

Picos reúne 57 municípios para debater Controle Social

Esta é a quarta regional que acontece no Piauí do evento que mostra o que é Controle Social

Mais uma etapa regional da Conferência Nacional sobre Transparência e Controle Social (Consocial) acontece durante todo o dia de hoje (10), desta vez no município de Picos. Já houve eventos em Teresina, Parnaíba e Floriano. Em todos essas cidades polo, estão sendo reunidos outros municípios das regiões para que possam eleger delegados que venham participar da etapa estadual do evento, em abril,

novamente em Teresina. A Consocial vai culminar com a etapa nacional, em maio, em Brasília. No Piauí, a Consocial é uma idealização da CGU, com organização da CGE e apoio dos municípios.

Na manhã desta sexta, participaram do evento de abertura, além do Controlador-Geral do Estado, Antonio Filho, que representou o Governador, o prefeito da cidade de Picos, Gil Marques de Medeiros; além do controlador daquele município, Evilásio Luz, e outras autoridades locais. ?Mais uma vez estamos reunindo inúmeras cidades, desta vez pelo menos 57, para discutirmos o que é a Transparência Social, e buscarmos propostas desses participantes de como o controle pode melhorar no Estado e no

país. Estamos satisfeitos com o interesse que os cidadãos comuns, por exemplo, vêm tendo com o evento. Muitos não sabiam de que formas poderiam ter acesso às informações dos gastos públicos e estamos mostrando que isso é possível?, disse o controlador Antonio Filho, da CGE.

Durante todas essas etapas da Consocial, quatro eixos temáticos são discutidos e apresentados por palestrantes diferentes. Os eixos em Picos foram divididos da seguinte maneira: ?Promoção da transparência pública e acesso à informação e dados públicos?, que teve como palestrante o controlador do Estado, Antonio Filho; já o segundo eixo, sobre ?Promoção da transparência pública e acesso à informação e dados públicos?, foi debatido pelo professor José Carvalho Neto, controlador

do município de Timon; o terceiro eixo, que discute a ?Promoção da transparência pública e acesso à informação e dados públicos?, foi apresentado pela enfermeira Maria Conceição Portela; a última

palestra, com o eixo 4, sobre ?Promoção da transparência pública e acesso à informação e dados públicos?, teve como palestrante o Chefe regional no Piauí da Controladoria-Geral da União (CGU), Orlando Vieira de Castro Júnior.

No encerramento do evento desta sexta, mais propostas serão reunidas (as mais votadas) para se juntarem as que já foram escolhidas nas etapas anteriores, para serem apresentadas e novamente avaliadas na etapa estadual. De Picos, serão eleitos 52 delegados para virem à Teresina, em abril, para o momento estadual. Em seguida, os delegados estaduais serão escolhidos e levarão à Brasília as melhores idéias propostas no Estado para o momento nacional, em Brasília. Com a realização da 1ª Consocial, as propostas/diretrizes resultantes de todo o processo conferencial, subsidiarão a criação de

um Plano Nacional sobre Transparência e Controle Social, podendo ainda transformarem-se em políticas públicas, projetos de lei e até mesmo, passar a compor agendas de governo em âmbito municipal, estadual ou nacional. ?Já estamos vendo ideias muito boas e temos certeza que participaremos bem da criação dessas políticas públicas, que certamente vão melhorar substancialmente o controle social no nosso país?, asseverou Antonio Filho.

Fonte: Ass