Polícia Rodoviária Federal faz balanço parcial da Operação Carnaval

Carnaval em 2010 foi mais violento do que ano passado com regustro de 4 vítimas fatais


A operação Carnaval realizada pela Polícia Rodoviária Federal nas estradas que cortam o Estado teve início na última sexta feira, dia 12, e prosseguiu até às 0h desta quinta feira, dia 18. De acordo com dados repassados pela PRF, da última sexta-feira até a tarde de ontem, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) fiscalizou 3.340 veículos e registrou a ocorrência de 28 acidentes nas estradas federais que cortam o Piauí dos quais 4pessoas morreram e 20 ficaram feridas. O chefe do Núcleo de Operações Especiais da PRF inspetor Francisco Sobrinho destaca que a Polícia Rodoviária Federal fez um planejamento prévio das suas ações e que, no geral, o balanço é positivo. ?Foi positivo porque apesar de registrarmos 2 mortes a mais do que no ano passado, no entanto esses acidentes com vítimas fatais foram atípicos, porque não foram em locais com grande incidência de movimentação. Infelizmente tivemos esses casos atípicos?, destaca.


No que se refere a Lei Seca o inspetor Sobrinho afirmou que 675 testes foram feitos usando o bafômetro, desses 10 acusaram o uso de álcool e essas pessoas foram autuadas em flagrante por infringir a lei. Além de receber multa no valor de R$ 957,50, os motoristas tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida. Será aberto processo administrativo e os condutores podem perder o direito de dirigir por um ano. No entanto, o policial rodoviário federal destaca uma maior conscientização por parte dos motoristas em relação ao consumo de bebidas alcoólicas. ?O carnaval é considerado a época mais etílica do ano e, no entanto observamos que as pessoas estão mais conscientes quanto à gravidade de dirigir alcoolizadas. É importante que as pessoas brinquem, mas que não se excedam e respeitem as leis de trânsito evitando acidentes?, argumenta.


O inspetor Sobrinho lembra ainda que os motoristas precisam ser cautelosos na volta do feriado. O movimento nas estradas foi bastante intenso nesta quarta-feira, dia 17, e ele destaca ainda que muitas pessoas anteciparam a volta pra casa já tentando evitar a fila de carros na estrada. ?Muitas pessoas anteciparam a volta pra casa e isso ajudou um pouco a diminuir a fila de carros já que esse fluxo foi dividido principalmente no trecho que compreende o litoral e lembramos que cuidado nunca é demais, muita atenção e cautela são a regra principal que rege o bom motorista?, pontua o inspetor. (M.R)

Fonte: Mar­ci­la­ny Rod­ri­gues