12 dos 250 presos beneficiados com o indulto de Natal não voltam

No Brasil inteiro cerca de 2.249 presos não voltaram as celas.

As festividades de final de ano são uma época de reunir a família e celebrar o ano novo que está por vir, nesta época também a justiça brasileira concede a alguns presos a liberdade provisória, para que eles passem essa temporada na casa dos amigos e familiares. Mas enquanto uns saem e voltam após o término do período, outros preferem continuar junto dos amigos.

Presos do indulto de Natal (Crédito: Reprodução)
Presos do indulto de Natal (Crédito: Reprodução)

De acordo com dados levantados por meio das secretarias estaduais do país, pelo menos 2.249 presos não voltaram para suas celas após as festividades no Brasil. O número total representa 4,28% dos detentos. No Piauí, dos 250 presos beneficiados, 12 não voltaram para os presídios.

No total, 52.575 presos foram liberados em todo o Brasil. A maioria dos estados não usa o monitoramento eletrônico para as saídas temporárias. Houve duas exceções: em Pernambuco, todos os detentos que saíram (370) usaram o dispositivo. Mesmo assim, 16 romperam a tornozeleira e fugiram.

Segundo a Secretaria de Defesa e Proteção Social (Sedeps), a partir de agora, em todos os “saidões, os presos que a Justiça indicar poderão ter acesso a saídas temporárias com tornozeleiras”. Os que não retornaram às unidades na data prevista são considerados foragidos e tiveram os nomes enviados às Varas de Execuções Penais. Em alguns casos, é solicitado à Justiça um mandado de prisão preventiva para a captura.

Fonte: Com informações do G1