A gente fez para curtir", diz suspeito preso por sequestro

Homem foi amarrado dentro do porta-malas e abandonado em canavial.

Um homem, de 50 anos, foi sequestrado por dois suspeitos, de 20 e 21 anos, na tarde desta segunda-feira (14), em Linhares, no Norte do Espírito Santo. De acordo com a polícia, a vítima foi rendida na Praia Portal do Ipiranga, amarrada e presa dentro do porta-malas do próprio carro. Nesta terça-feira (15), os suspeitos foram detidos com o veículo roubado.


A gente fez para curtir

Nesta terça (15), os suspeitos foram localizados com o veículo em um localidade conhecida como Palhal, no mesmo município. Já na da Delegacia de Crimes Contra Vida (DCCV) de Linhares, um dos detidos, Lucas Coutinho confessou o crime. ?Não tenho nada a declarar. A gente fez para curtir mesmo e vamos pagar por isso", disse o suspeito.

A polícia informou que os criminosos foram autuados por roubo, sequestro, cárcere privado e porte ilegal de arma. A dupla foi encaminhada para o presídio Regional de Linhares (PRL). O delegado ainda disse que o revólver utilizado no crime foi apreendido e os objetos roubados da vítima e o carro foram recuperados e devolvidos.

Segundo o titular da Delegacia de Crimes Contra Vida (DCCV) da cidade, eles vão responder por roubo, sequestro, cárcere privado e porte ilegal de arma. Um deles disse a equipe de reportagem da TV Gazeta, que cometeram o crime para "curtir". A vítima passa bem e não quis falar sobre o assunto.

De acordo com o delegado titular da DCCV, Fabrício Lucindo, a vítima foi abordada dentro do próprio carro, um Gol branco, por volta das 14h30 de segunda-feira. Segundo Lucindo, os criminosos que estavam armados prenderam o homem dentro do porta-malas e fugiram para o Centro da cidade. No caminho abandonaram a vítima amarrada em um canavial.

"Levaram o seu veículo, o amarram, e colocaram a vítima no porta-malas do carro. Em seguida seguiram em direção a Linhares. Durante a fuga, eles ainda pararam o veículo, fizeram o uso de drogas e torturaram psicologicamente a vítima. Depois, a abandonaram amarrada em um canavial e fugiram com o carro. Um tempo depois o homem conseguiu se soltar e acionar a polícia", explicou Lucindo.

Nesta terça (15), os suspeitos foram localizados com o veículo em um localidade conhecida como Palhal, no mesmo município. Já na da Delegacia de Crimes Contra Vida (DCCV) de Linhares, um dos detidos, Lucas Coutinho confessou o crime. ?Não tenho nada a declarar. A gente fez para curtir mesmo e vamos pagar por isso", disse o suspeito.

A polícia informou que os criminosos foram autuados por roubo, sequestro, cárcere privado e porte ilegal de arma. A dupla foi encaminhada para o presídio Regional de Linhares (PRL). O delegado ainda disse que o revólver utilizado no crime foi apreendido e os objetos roubados da vítima e o carro foram recuperados e devolvidos.

Fonte: G1