Por causa de absorvente, menina de 15 anos escapa de estupro

Bandido desistiu quando reparou que menina estava menstruada

Uma adolescente escapou de uma tentativa de estupro em Cubatão, no litoral de São Paulo, na noite desta segunda-feira, por estar usando absorvente. Em depoimento para a polícia, a garota afirmou que, antes de ser libertada pelos marginais, teve o seio acariciado, mas que os bandidos não foram além por ela estar menstruada.

Segundo a polícia, a vítima, de 15 anos, estava indo para a escola quando foi abordada por um veículo preto com dois homens encapuzados dentro, na altura da rodovia Anchieta. Um dos suspeitos desceu do veículo e puxou a vítima pelos cabelos para dentro do automóvel. Após não conseguir fazer a jovem abaixar a calça, o suspeito passou a mão na virilha da menina e, em seguida, a soltou, quando reparou que ela usava absorvente.

A garota foi liberada nas proximidades da empresa MD Papéis. A Polícia Militar foi acionada para atender o caso. O boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia Sede de Cubatão.

Fonte: G1