Ações do Exército no Comp. do Alemão serão filmadas

Os complexos da Penha e do Alemão começaram a ser ocupados por 2 mil militares

As ações do Exército nos complexos da Penha e do Alemão, na zona norte do Rio de Janeiro, serão filmadas pelos próprios militares. Segundo o comandante da força de pacificação que atua no conjunto de favelas, general Fernando Sardenberg, o objetivo é registrar cada intervenção dos militares, como medida de precaução.

"Essa é uma precaução nossa. Em cada patrulha que fazemos, existe um cinegrafista ou fotógrafo, para que a coisa fique bem registrada com relação à forma como estamos atuando", afirmou o general.

Os complexos da Penha e do Alemão começaram a ser ocupados por 2 mil militares nesta quarta-feira (22). Acordo que define as atribuições dos militares e das polícias estaduais dentro da força de pacificação foi assinado pelo ministro da Defesa, Nelson Jobim, e pelo governador fluminense, Sergio Cabral, nesta quinta-feira.

As operações dos militares e da polícia começaram no fim de novembro. Desde então, os militares passaram a ocupar os acessos ao Complexo do Alemão. Ontem, os militares entraram na comunidade e começaram a fazer revistas e prisões no interior do conjunto de favelas, em parceria com a polícia.

Fonte: Terra, www.terra.com.br