Acusada de matar ex agiu em legítima defesa e segue foragida

Armado, ele foi até a casa da ex, mas acabou sendo assassinado.

Na quarta-feira, dia 07 de setembro,  um crime foi registrado em Inhuma, a cerca de 238 km de Teresina. Uma comerciante, dona de um trailler de lanches, identificada como Neném , 42 anos, assassinou com três golpes de faca seu ex-companheiro Neném do Chico Velho, de 35 anos, dentro de sua residência no bairro Liberdade.

De acordo com informações da Polícia Militar do município, primeiramente Neném do Chico Velho  telefonou para sua ex, fazendo ameaças de morte. No dia seguinte, foi beber em um bar, deixou uma dose no copo e disse que logo retornaria ao estabelecimento. Em posse de uma faca, foi até a residência da ex, onde ocorreu o crime. 

Ela, no entanto, se antecipou e deferiu três golpes de faca em sua barriga. Segundo a Polícia Militar, provavelmente ela utilizou um [pedaço de madeira] para desarmar o ex-companheiro. 

"Ele [ Neném do Chico Velho] já havia atentado contra a vida  da mesma", disse um dos policiais da cidade. 

Neném, que segue foragida, irá responder por homicídio em legítima defesa, segundo informou a polícia. 

 Neném do Chico Velho (Crédito: Leonardo Barbosa)
Neném do Chico Velho (Crédito: Leonardo Barbosa)






Fonte: Portal Meio Norte