Acusado de arrombar agência do BB de JF é preso com dinheiro e objetos do banco

O arrombamento foi praticado durante a madrugada, o acusado quebrou o vidro de um basculante e em seguida adentrou na agência bancária

Polícias civis da delegacia de polícia local, tendo a frente o coordenador Gilson Ferreira, prenderam na tarde desta sexta-feira, 08 de Agosto, o jovem Lucas Maciel da Costa e Silva, 20 anos de idade, réu confesso da pratica do arrombamento ocorrido na agência do Banco do Brasil, localizado na Rua Hugo Napoleão, centro de José de Freitas.

O arrombamento foi praticado durante a madrugada, o acusado quebrou o vidro de um basculante e em seguida adentrou na agência bancária, o interior do imóvel foi totalmente revirado pelo o acusado que conseguiu furtar dinheiro e alguns objetos do local.

A polícia chegou ao acusado através das filmagens feitas pelas câmeras de segurança interna do próprio banco. Lucas foi preso na Rua Professor Santana Filho, em José de Freitas, onde mora com seus familiares, com ele os policias encontraram a quantia de aproximadamente R$ 300,00 reis em moedas, várias cédulas falsas, um aparelho de notebook e uma sanduicheira furtado da agência bancaria.

O coordenador Gilson Ferreira, informou que o jovem fez todo um levantamento do local para realizar o delito no prédio bancário. Gilson disse ainda, que durante a invasão da agência, o acusado sofreu alguns ferimento causados pelos vidros quebrados do basculante, o arrombador praticou o ato com o rosto coberto com uma camisa na tentativa de dificulta sua identificação.

Já o Senhor Elimar Lopes, gerente declarou que ao chegar a agencia, os funcionários encontraram o interior do banco totalmente bagunçada, com gavetas reviradas, armários quebrados e muitos papeis pelo chão. Elimar informou também que o atendimento ao publico foi cancelado devido ao problema, voltando ao normal somente na nesta segunda-feira, 11 de agosto, finalizou Elimar.

Uma equipe de peritos da secretária de segurança esteve no local, onde na oportunidade, as dependências da agência foram periciadas. O acusado foi levado para delegacia de policia de José de Freitas onde foi autuado em flagrante pelo crime de furto qualificado. Em sua defesa, Lucas disse que estava embriagado e precisando de dinheiro, por esse motivo teria cometido o ato.

Os objetos do furto foram restituídos para o gerente da empresa, o caso será comunicado ao ministério publico que tem a incumbência de fazer a denuncia para o juiz tomar as providencia cabíveis. Lucas Maciel está recolhido em uma das celas da delegacia de policia local, aguardando uma decisão judicial. o flagrante não cabe fiança, por se tratar de um órgão publico e rompimento de obstáculo relatou Agenor, escrivão do 17ª Distrito Polícia, desta cidade.

 












Fonte: JF AGORA