Acusado de esfaquear e matar dançarina agiu em legítima defesa

Acusado negou brigas e relacionamento com Lady Butterfly.


Acusado de esfaquear e matar dançarina diz que agiu em legítima defesa

O acusado de matar Daniel Oliveira, conhecido como Lady Butterfly, disse que matou a dançarina em legítima defesa. O crime ocorreu na madrugada de segunda-feira (18), dentro da residência da vítima, em Porto Seguro, extremo sul do Estado.

Gonçalves informou que quando acordou durante a noite, a vítima estava com uma faca em cima dele, e que agiu para se defender. O acusado disse ainda que conheceu Lady Butterfly através de alguns amigos, e que a própria vítima o convidava para ficar na casa dela. O acusado negou brigas e relacionamento com Butterfly.

Após o crime, Gonçalves utilizou o carro da vítima para fugir do local, e abandonou o veículo em uma fazenda de um conhecido. O acusado ainda levou alguns pertences da vítima. O homem foi preso na quarta-feira (20) no município de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, quando pretendia fugir para o Mato Grosso do Sul.

Fonte: R7, www.r7.com