Acusado de matar e atear fogo no corpo da madrasta é preso

De acordo com informações da corporação, a prisão de Fábio Diogo Vieira, 25 anos, aconteceu menos de 24 horas após o crime.

Um homem acusado de matar e atear fogo no corpo da madrasta foi preso neste sábado por policiais da Divisão de Homicídios da Polícia Civil do Rio de Janeiro. De acordo com informações da corporação, a prisão de Fábio Diogo Vieira, 25 anos, aconteceu menos de 24 horas após o crime.

Segundo os agentes, Elis Regina Ferreira foi morta dentro de casa, no Morro do São Carlos, no Estácio, na zona central do Rio. Vieira foi preso em flagrante por homicídio e ocultação de cadáver.

Fonte: Terra