Acusado de triplo homicídio e estupro é preso em Teresina

O meliante é conhecido como

A Polícia Militar apreendeu ao meio-dia desta quinta-feira, dia 16 de maio, um jovem bastante conhecido da polícia por porte ilegal de arma, uma pistola 765. Ele estava trocando tiros com outros bandidos na Zona Sul da capital.

?O Comandante Geral da Polícia Militar tem atuado melhor depois dos meios que foram adquiridos e com isso é possível dar uma resposta mais atual para a população.

"Nessa operação de hoje fomos informados de que acontecia um tiroteio na Palitolândia e nossa viatura estava no setor e flagrou esse meliante, conhecido como Saci com a pistola em punho. Houve uma perseguição, fizemos um cerco e efetuamos a prisão do indivíduo que já é acusado de anteriormente ter cometido um homicídio quando era menor de idade e de um triplo homicídio e estupro de uma garota. Agora ele vai ser enquadrado por porte ilegal de arma?, revela o agente policial que acompanhou a ação.

Ao ser indagado pelo repórter Ricardo Moura Fé, que acompanhou a diligência, o jovem Luís Sérgio da Silva Conceição, afirmou que agiu em legítima defesa. ?Eu comprei a arma para me defender, tem uns mal elementos querendo me matar, eles atiraram na minha casa e eu fui atrás, tava dentro de casa, tenho família. Esse crime de triplo homicídio eu não tenho nada a ver com isso, foi um crime que jogaram pra cima de mim, mas não fui eu. Eu já puxei um ano e seis meses na Casa de Custodia, mas não fui eu que fiz. Já essa pistola é minha mesmo, eu comprei para me defender, não ando roubando não?, declarou para a reportagem.

Após o flagrante e porte de arma ilegal, o meliante segue para o poder do sistema penitenciário. ?É importante que a população saiba que agora as viaturas possuem um celular e o número está na porta das viaturas. Dessa forma a população pode fazer o contato direto com a viatura que atua no seu setor?, responde o capitão da PM.

Fonte: Marcilany Rodrigues