Acusados de clonagem de cartão são investigados pela Polícia Federal

A aparelhagem é fixada junto aos caixas eletrônicos junto com o ""chupa-cabra"" (leitora)

Permanecem presos na carceragem da Delegacia de Defrauda?es e Falsifica?es (DDF), na sede da Superintend?ncia da Pol?cia Civil, Centro, os tr?s ?cart?ozeiros? capturados, em flagrante, na manh? de sexta-feira passada, no bairro da Aldeota.

Ant?nio Vanderley Alves Chaves, Ernando Rufino Ben?cio e Wilson Santos Oliveira foram abordados por policiais militares do grupo de motopatrulhamento Raio (Rondas de A?es Intensivas e Ostensivas) quando transitavam em um ve?culo suspeito pela Avenida Santos Dumont. Com eles, os PMs encontraram uma microc?mera que seria utilizada, supostamente, no golpe de clonagem de cart?o. A aparelhagem ? fixada junto aos caixas eletr?nicos junto com o ?chupa-cabra? (leitora). Enquanto a ?ltima grava a trilha magn?tica (c?digo) dos cart?es, a primeira permite aos estelionat?rios visualizar o momento em que o cliente digita sua senha na m?quina eletr?nica.

Quadrilha

Segundo o titular da Delegacia de Defrauda?es e Falsifica?es (DDF), delegado Andrade J?nior, os tr?s homens s?o suspeitos de fazer parte de uma quadrilha de ?cart?ozeiros? oriunda da regi?o de Crate?s e que estaria agindo em Fortaleza, principalmente durante os fins de semana, instalando ?chupa-cabra? em caixas eletr?nicos 24 horas, onde n?o h? vigil?ncia.

Fonte: Diário do Nordeste, www.diariodonordeste.com.br