Adolescente é baleado por policial reformado e morre durante protesto

Um policial reformado matou um adolescente durante a realização de um protesto por melhor serviço de limpeza urbana em Santa Luzia, em Belo Horizonte.


Adolescente é baleado por policial reformado e morre durante manifestação em Santa Luzia

Um policial reformado matou um adolescente durante a realização de um protesto por melhor serviço de limpeza urbana em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, na noite dessa segunda-feira (1º).

L.D.A.L, de 12 anos, foi baleado na cabeça, após passar na frente da casa de Vanderlei Gomes da Fonseca, de 72 anos.

O adolescente chegou a ser socorrido por vizinhos e encaminhado ao Hospital de Pronto-Socorro João 23, na capital mimeira. Porém, o garoto não resistiu ao ferimento e morreu na unidade de saúde.

O policial reformado foi denunciado por vizinhos e preso na residência onde mora, no bairro Cristina.

Segundo relatos de testemunhas aos militares do 35º Batalhão da Polícia Militar, o idoso atirou contra o adolescente depois de escutar o barulho de uma explosão oriunda da manifestação. Irritado com o alto barulho, o policial pegou uma arma, saiu de casa e fez o disparo de arma de fogo.

De acordo com familiares de L.D.A.L, o adolescente não participava do protesto e foi baleado depois de sair de casa para comprar pão.

Vanderlei, que há 16 anos era lotado no 1º Batalhão, foi encaminhado à 69ª Companhia do 35º Batalhão, onde ficou à disposição da Justiça.

O crime chocou a família e vizinhos de L.D.A.L, que ficaram revoltados com a atitude do policial reformado.


Adolescente é baleado por policial reformado e morre durante manifestação em Santa Luzia

Fonte: r7