Jovem de 15 anos é mantida em cárcere privado no litoral gaúcho

Os policiais refizeram os passos da adolescente e chegaram ao cativeiro graças a informações de moradores

Uma jovem de 15 anos foi mantida em cárcere privado durante 18 horas na cidade de Imbé, no litoral gaúcho. A adolescente seguia para casa quando o suspeito, Alfredo Day Barreto, 49 anos, acenou de um prédio pedindo ajuda e dizendo que estava preso dentro de casa. Logo que a vítima se aproximou para ajudá-lo, ele a puxou e a manteve presa em casa até o local ser invadido pela Polícia Civil, por volta do meio-dia de quarta-feira. A menina estava amarrada e tinha sido amordaçada. As informações são do jornal Zero Hora.

Enquanto ela esteve sob o cárcere privado, seus pais procuravam a jovem na escola e na casa das amigas. Até que decidiram ir à delegacia e ao Conselho Tutelar. Os policiais refizeram os passos da adolescente e chegaram ao cativeiro graças a informações de moradores. Após invadirem o local, o homem tentou se esconder, mas foi preso em flagrante. A vítima fez exames médicos para confirmar que tipo de abuso sofrera. O suspeito, que já tinha antecedentes criminais por tráfico de drogas e ato obsceno, responderá por sequestro e estupro. Ele foi levado à Penitenciária Modulada de Osório.

Fonte: Extra