Adolescente é morta a tiros na porta de casa ao sair de baile funk

Depois da tragédia os familiares nunca mais foram vistos na cidade

Uma adolescente de 15 anos foi assassinada a tiros em frente a casa em que morava em Porto Alegre (RS). A polícia trabalha com a hipótese de execução.

O padrasto de Gisele a levou em um baile funk na noite de 1° de maio. Por volta das 6h, a jovem ainda não tinha voltado para casa, e isso deixou os familiares preocupados.

A família, então, começou a ligar para o celular de Gisele, que não atendia. Pouco tempo depois, foram ouvidos seis disparos. Os moradores do bairro Rubem Berta e a família da jovem saíram para a rua e viram o corpo de Gisele em frente a um poste.

Gisele cursava o oitavo ano e segundo amigos de classe, ela não faltava às aulas, uma vida normal dentro da escola, participativa das atividades normalmente.

A família da vítima é dona de um restaurante que, depois da tragédia, nunca mais abriu as portas. Os familiares também não foram vistos pelos vizinhos desde o dia do crime.


Gisele foi assassinada na porta de casa (Crédito: Reprodução)
Gisele foi assassinada na porta de casa (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do R7