Advogado que teve carro arrombado critica trabalho da Polícia Civil no PI

Advogado que teve carro arrombado critica trabalho da Polícia Civil no PI

Os arrombamentos a carros nas imediações do Hospital São Paulo estão cada vez mais recorrentes.

O advogado Raimundo Neto, de 27 anos, veio à redação do Meio Norte.com denunciar que teve seu carro arrombado por bandidos que conseguiram que o alarme não disparasse. Raimundo Neto estacionou o seu veículo no último sábado (12) às 22h próximo ao Hospital São Paulo, no bairro Ininga, Zona Leste de Teresina. O que chama atenção nesse caso, porém, é que os arrombamentos a carros na região em torno do hospital são recorrentes. Segundo o advogado, que teve o CD Player levado pelos bandidos, os próprios seguranças confirmaram que os assaltos próximos ao hospital se tornaram cada vez mais comuns. Raimundo Neto registrou um Boletim de Ocorrência no 12° Distrito Policial, responsável pelo bairro Ininga. Na ocasião, havia uma outra pessoa, que teve o vidro do seu carro quebrado, fazendo o mesmo tipo de queixa, referente ao mesmo local. O advogado criticou a inoperância da Polícia Civil, que mesmo já sabendo dos casos de arrombamentos a carros na região, para ele, 'não está fazendo absolutamente nada por falta de estrutura'. "Só prestei queixa por desencargo de consciência", desabafou. A direção do Hospital São Paulo disse à reportagem que não tem responsabilidade em dar segurança para carros que estão estacionados nas imediações. O diretor disse ainda 'que não pode fazer nada', mesmo sabendo que os arrombamentos são recorrentes. O Meio Norte.com tentou entrar em contato com o 12° DP, mas não encontrou o titular, até a edição dessa reportagem, para comentar o assunto. Mais cedo, ao Bom Dia Meio Norte, o delegado-geral James Guerra rebateu as críticas à atuação da Polícia Civil. "Eu confio totalmente na qualidade do trabalho realizado pela Polícia Civil do Piauí, uma instituição que tem 100% de sucesso em suas investigações, que é referência nacional". LEIA MAIS: 'A responsabilidade é toda minha', diz James Guerra sobre investigações da Polícia Civil

Fonte: Kaio Eduardo