Agnaldo Timóteo pode está envolvido em rede de pedofilia

Agnaldo Timóteo pode está envolvido em rede de pedofilia

Treinador de futebol é suspeito de abusar sexualmente dos adolescentes.

O cantor e vereador Agnaldo Timóteo prestou depoimento, nesta quinta-feira (26), por mais de duas horas, em uma delegacia de Caratinga, na Região Leste de Minas Gerais. Ele é testemunha de um processo que investiga um suposto esquema de pedofilia e exploração sexual de jovens atletas que sonhavam ser jogadores de futebol profissional.

Durante a ?Operação Contra-Ataque?, a polícia cumpriu seis mandados de prisão. Entre os presos está um treinador de futebol, de 49 anos, que, segundo as investigações, atraía crianças e adolescentes que tinham o sonho de ser jogador de futebol e abusava sexualmente deles.

O treinador era amigo de Timóteo e esteve na casa do artista, no Rio de Janeiro, com duas crianças suspeitas de serem vítimas da quadrilha. A delegada Naiara Travassos, confirmou que o suspeito manteria relações homossexuais com os adolescentes.

No depoimento de Timóteo, ele negou qualquer envolvimento no caso e não sabia desta investigação contra o amigo. Logo depois de prestar esclarecimentos, o cantor disse à imprensa que apenas o ajudava, apoiando financeiramente os testes de futebol dos garotos. "?Ele jamais disse uma só palavra que pudesse representar desrespeito para os seus atletas. Eu ajudo... sempre que ele pede, eu ajudo. E eu sempre posso, graças a Deus?, disse Timóteo, referindo-se ao comportamento do treinador.

Ainda segundo a delegada, o inquérito que apura o caso está em fase final e deve ser concluído nas próximas semanas.

Fonte: g1, www.g1.com.br