Após 2 horas, atriz Danielle Winits deixa delegacia no Leblon

Após 2 horas, atriz Danielle Winits deixa delegacia no Leblon

Atriz chegou à delegacia para prestar depoimento escondendo a boca

A atriz Danielle Winits deixou a 14ª DP (Leblon) na tarde desta quarta-feira, após cerca de duas horas, prestando depoimento sobre o acidente durante a apresentação do musical Xanadu, no Rio de Janeiro. Ela saiu sem falar com a imprensa.

Danielle Winits e o ator Thiago Fragoso caíram de uma altura de cerca de cinco metros, sobre espectadores, após o rompimento dos cabos que os sustentavam em uma das cenas do musical.

A atriz chegou à delegacia por volta das 14h30 para prestar depoimento. De óculos escuros e com a mão na boca, para esconder o machucado, apenas cumprimentou os jornalistas.

Na queda dos atores, alguns espectadores que estavam na plateia se feriram. Uma delas foi Marina Silva Beckman, de 73 anos, que continua internada no Hospital Norte D´or. De acordo com o boletim divulgado nesta quarta-feira (1º), ela está internada em um quarto e tem alta hospitalar confirmada para as próximas 24 horas.

Produção confirma retorno de espetáculo no dia 9

A produção de Xanadu informou, na tarde desta quarta, que o espetáculo retoma a temporada no dia 9 com os atores Danielle Winits e Danilo Timm (substituto de Thiago Fragoso até que este se recupere e retorne ao musical).

Ainda segundo a produção, os espectadores que compraram ingressos na bilheteria para as sessões não realizadas podem se dirigir à bilheteria do teatro (de terça a domingo, das 15h às 20h). Já aqueles que efetuaram sua compra pela ingresso.com devem entrar em contato com o site. Todos podem optar pela devolução do dinheiro ou pela troca dos ingressos para outro dia.

Público pensou que queda de atores fazia parte de musical

Uma das espectadoras atingidas pela queda dos atores Danielle Winits e Thiago Fragoso durante apresentação do musical "Xanadu", Flávia Florentina da Silva Alves, de 42 anos, chegou à 14ª DP (Leblon) na tarde desta quarta para prestar depoimento sobre o acidente. Segundo Flávia, ela foi a primeira a ser atingida na queda dos atores e contou ainda que num primeiro momento espectadores chegaram a pensar que o acidente fazia parte do espetáculo.

"Quando acenderam as luzes é que deu para ver que foi um acidente mesmo", disse ela, acrescentando que ficou "em estado de choque". "A gente sai para ir a uma peça e acontece isso... ", lamentou.

Segundo Flávia, ela foi atingida no ombro pelos patins de Thiago e viu que os atores caíram bem na sua frente. "Voltei a me sentar, mas aí não consegui nem me levantar mais. Não tinha percebido que tinha me machucado", contou.

Ainda segundo a vítima, o atendimento médico foi rápido e foi dada atenção em primeiro lugar a Thiago, que "parecia mais machucado".

Bem-humorada, ela disse que quer ver o espetáculo de novo. "Afinal, saí no meio, e quero ver como acaba", afirmou Flávia, que fez questão de ressaltar que a produção da peça tem dado todo apoio a ela e o próprio Miguel Falabella lhe telefonou para saber como ela estava.

Falha

De acordo com o delegado Thales Nogueira, a polícia trabalha com as hipóteses de falha humana ou técnica. O delegado explica que os culpados poderão ser indiciados por lesão corporal culposa.

?A perícia preliminar da polícia no local não achou indícios de sabotagem, então essa hipótese foi um pouco afastada. Os cabos foram levados para o Instituto Carlos Éboli (ICCE) e estou aguardando o laudo. Os cabos vão passar por uma perícia complexa, onde será testada a resistência e o material?, falou Nogueira.

Fonte: G1