Após comprar moto dos sonhos, casal foi morto na 1ª viagem

Ao reagirem ao assalto, o casal foi baleado e, durante uma tentativa de fuga, a moto acabou batendo em um veículo

A motocicleta usada pelo casal que foi morto na noite desta quinta-feira em uma tentativa de assalto na avenida dos Bandeirantes, em São Paulo, foi comprada no dia anterior pelas vítimas, segundo informações da Polícia Civil. O comerciante Rafael Jesus Fulaz, 31 anos, e a mulher dele, Sibele Carla Pedroso, 36 anos, se mostravam apaixonados por velocidade em suas páginas nas redes sociais.

No início do mês, Rafael, que mora em Mongaguá, no litoral paulista, chegou a publicar no Facebook a foto de uma moto do modelo Honda Fireblade Repsol, recém-adquirida. "Sonhar... não custa nada... Mas tem sonhos que se realizam", publicou o empresário, que foi morto por criminosos durante a primeira viagem em sua moto nova.

O casal, que saiu do litoral com destino à cidade de Itu, no interior de São Paulo, era acompanhado pelas duas filhas de Sibele, que ocupavam um carro. Quando pararam em um trecho da avenida dos Bandeirantes, na zona sul de São Paulo, os dois foram abordados por dois criminosos em uma moto.

Ao reagirem ao assalto, o casal foi baleado e, durante uma tentativa de fuga, a moto acabou batendo em um veículo. Feridos, Rafael e Sibele não resistiram e morreram no local. O caso foi registrado no 27º DP, do Campo Belo e será investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). Até a manhã desta sexta-feira, nenhum criminoso havia sido preso.

Fonte: Terra