Após nova denúncia da ex, ator Dado Dolabella falta a depoimento

Após nova denúncia da ex, ator Dado Dolabella falta a depoimento

Dado Dolabella foi levado para a delegacia

O ator Dado Dolabella não compareceu à 16ª Delegacia de Polícia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, onde deveria prestar depoimento na manhã desta terça-feira. Ele é pela pela ex-mulher, a publicitária Viviane Sarahyba, de ter xingado ela e riscado seu carro. Segundo a delegada Juliana Domingues, uma nova audiência será agendada para o final desta semana ou início da próxima semana.

Esta não é a primeira vez que Viviane presta queixa contra o ex-marido. Em novembro, ela acusou Dado de agressão. O fato teria ocorrido na casa dele, no Leblon, zona sul do Rio, para onde ela teria ido com o filho João Valentim. Dado negou a acusação.

De acordo com a delegada, além de Viviane foi ouvida uma funcionária dela, que teria presenciado o fato. "Ainda vamos ouvir outras testemunhas e agendar uma nova data para o depoimento de Dado. A previsão é que em 30 dias o inquérito seja concluído", disse Juliana Domingues.

Segundo ela, o ator pode responder por injúria e dano. "Isso está enquadrado na Lei Maria da Penha", disse.

Casos policiais envolvendo Dolabella

O ator e a publicitária se casaram em setembro de 2009. Onze meses depois, ela entrou com pedido de separação de corpos e uma medida cautelar contra ele, acusando Dado de tê-la agredido durante uma briga.

Em outubro, Dolabella foi autuado e indiciado por uso de entorpecente. Ele admitiu à polícia que a maconha encontrada em seu carro durante uma blitz na lagoa Rodrigo de Freitas era de consumo próprio, segundo informações da 14ª DP (Leblon).

Em agosto deste ano, Dado Dolabella foi condenado a dois anos e nove meses de prisão em regime aberto por lesão corporal contra sua ex-namorada, a atriz Luana Piovani, e a camareira dela, Esmeralda de Souza Honório. O ator está recorrendo da decisão.

Fonte: Terra, www.terra.com.br