Após sair para amolar alicate, manicure desaparece no Rio

A família acredita que ela esteja envolvida com usuários de drogas

A manicure Vanessa Souza, de 33 anos, desapareceu após sair de casa para amolar um alicate na Baixada Fluminense. O marido dela, Marcos André da Silva, com quem tem um filho de nove anos e outro de 13, está à procura da mulher há mais de 40 dias. A família suspeita que Vanessa esteja envolvida com usuários de droga.

Ela foi vista pela última vez na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, zona norte do Rio, no dia seguinte ao desaparecimento. Um vendedor contou ao marido que a manicure caminhava sem rumo. O local atrai usuários de droga, principalmente à noite.

De acordo com Silva, há cerca de três anos, a mulher também desapareceu sem dar notícias e foi encontrada na Quinta da Boa Vista. Naquela época, Vanessa teve uma recaída e voltou a usar drogas. Ao retornar para casa, aceitou ajuda e parecia ter superado o vício.


Manicure saiu para amolar alicate e desapareceu
Manicure saiu para amolar alicate e desapareceu


O casal está junto há 16 anos e, de acordo com o marido, o relacionamento não estava em crise. Marcos trabalha como motorista particular e, desde o sumiço da mulher, se divide entre o trabalho e as buscas por Vanessa. Nos últimos dias, visitou comunidades perigosas, dominadas pelo tráfico, na esperança de encontrar a companheira.

A última notícia dada por Vanessa foi em uma rede social. A manicure conversou com a irmã, que disse que estava bem e que depois daria mais notícias, mas não informou onde estava. Silva diz acreditar que outra pessoa tenha usado o perfil de Vanessa para despistar a família.

O Disque-Denúncia divulgou um cartaz com a foto de Vanessa. Informações sobre o paradeiro devem ser passadas pelo telefone (0xx21) 2253-1177. A polícia investiga o caso, mas, por enquanto, não tem pistas de Vanessa.

Fonte: R7