Aposentado é acusado de engravidar a neta de 16 anos

Ele teve prisão preventiva decretada pela Justiça nesta quarta-feira

O aposentado José Jesus dos Santos, 59 anos, é apontado por sua neta de 16 anos como o pai de seu filho que nasceu na madrugada de segunda-feira, em Campinas. A garota (que não teve seu nome divulgado) e o recém-nascido passam bem e continuam internados na Maternidade de Campinas. O homem foi preso nesta quarta-feira.

Santos arrumava as malas com intenção de viajar ao litoral sul paulista quando foi preso pela polícia. Ele teve prisão preventiva decretada pela Justiça nesta quarta-feira a pedido da delegada Maria Bernadete Steter, da Delegacia de Defesa da Mulher.

"A ideia é mante-lo preso até concluirmos o inquérito", disse a delegada. De acordo com ela, o aposentado confessou manter relações sexuais com a neta há pelo menos três anos.

Entretanto, parentes e familiares afirmaram em depoimento desconhecerem que a garota estivesse grávida e que mantivesse contato sexual com o avô. O homem morava com a mãe da adolescente, a empregada doméstica M. N. S., 35 anos, e com a jovem há 10 anos, quando a mulher se separou, no bairro São José, periferia de Campinas. Enquanto as mulheres iam ao trabalho, ele cuidava da garota e de outras duas crianças.

A gravidez foi descoberta horas antes do parto quando a garota procurou atendimento médico em um pronto socorro queixando-se de fortes dores nas costas e barriga. A delegada Maria Bernadete vai pedir exames de DNA para comprovar ou não a paternidade do avô. Ela pretende convocar para depoimento os parentes e pessoas que conviviam com a família.

Fonte: Terra, www.terra.com.br