Assaltante que forçava beijo é morto 24 horas após deixar prisão

Assaltante que forçava beijo é morto 24 horas após deixar prisão

Vítima ficou famosa ao forçar beijos em universitárias.

O jovem que ficou conhecido nacionalmente como ?beijoqueiro? por forçar universitárias a beijá-lo durante assaltos foi morto na noite de sexta-feira (16), 24h após ser liberado da prisão em condicional, na cidade de Quixadá, a 158 km de Fortaleza. Segundo informações da Polícia Militar (PM), a vítima foi atingida com um tiro na nuca. O suspeito já foi identificado e está sendo procurado.

De acordo com a PM, o ?beijoqueiro?, que estava com 19 anos, foi perseguido na noite de sexta-feira. Ele percebeu a ação e tentou se refugiar no banheiro de um comércio. No local, encontrou o proprietário do estabelecimento e o segurou pelo pescoço, tentando usá-lo como escudo. Mas o suspeito mandou o refém se abaixar e atirou.

O ?beijoqueiro? foi apreendido diversas vezes quando era adolescente. Ele foi detido, pela sétima vez, ao cometer furtos meses depois de completar 18 anos. Na ocasião, ele disse querer ganhar dinheiro vendendo os objetos furtados: um botijão de gás, ventiladores, espelho, gaiola, sapatos e até brinquedos, entre eles um urso de pelúcia. Desde então, a vítima permaneceu presa por sete meses, sendo liberada em condicional na última quinta-feira (15).

Fonte: G1