Atirador que matou 3 nos EUA anunciou ataque em blog

m seu diário, ele detalha sua raiva da sua mãe e do seu irmão e sua atração pelas mulheres

O atirador que matou três pessoas e feriu pelo menos nove outras em uma academia de ginástica nos EUA havia divulgado os planos de atacar o local em seu blog na internet. George Sodini foi identificado como o autor de 52 disparos. Segundo a polícia, ele se matou após o ataque no estado americano da Pennsylvania.

Em seu diário, ele detalha sua raiva da sua mãe e do seu irmão e sua atração pelas mulheres. Ele narra a rejeição que sentiu de muitas mulheres e relata uma tentativa de realizar o ataque antes, na qual "amarelou".

Os vizinhos de Sodoni, que tinha 48 anos, o descreveram como antissocial. Sua página na internet tinha registrado o dia da sua morte, 4 de agosto, dizia que ele nunca havia sido casado e encerrava com as palavras "Morte vive".

Na noite de terça-feira (4), ele entrou em uma academia de ginástica de Bridgeville e disparou contra as pessoas. Seu blog foi tirado do ar na manhã desta quarta-feira (5)

"Por que fazer isso?? com garotas jovens?? Apenas leia abaixo. Mantive um blog que inclui meus pensamentos e ações, depois que vi que este projeto ia acontecer", diz um trecho o diário na internet.

Três mulheres, de 46, 49 e 39 anos morreram no ataque. Alguns relatos dizem que a ex-namorada de Sodini também ficou ferida.

"As mulheres simplesmente não gostam de mim. Existem 30 milhões de mulheres desejáveis nos EUA (minha estimativa) e eu não consigo encontrar uma.", diz o diário. Em outro ponto, ele se diz sozinho. "Todas as noites eu fico sozinho, e então vou para a cama sozinho."

Na entrada do dia 3, véspera do ataque, ele avisa que o "grande dia" está chegando. "Tirei os dias de hoje (segunda-feira) e amanhã para praticar meus passos e garantir que está tudo bem polido. Preciso pensar em cada detalhe, só tenho uma chance. Também preciso estar completamente mergulhado em algo antes que consiga ser bem-sucedido. Não bebo nada desde sexta-feira. Preciso de esforço total. Amanhã é o grande dia."

Os tiros ocorreram no interior da academia de Bridgeville, uma cidade próxima a Pittsburgh, em um salão onde havia aulas de dança latina só para mulheres. Segundo uma testemunha, o atirador vestia roupas próprias para exercícios físicos. "Ele andou em direção à sala, sabia exatamente o que estava fazendo", disse Moffatt.

Apagou as luzes

De acordo com a polícia local, o homem entrou num salão, se dirigiu para os fundos, apagou as luzes e disparou por cerca de cinco minutos. A polícia diz ter encontrado duas armas na cena do crime.

Um porta-voz da Misericórdia Hospital confirmou que cinco mulheres feridas deram entrada na emergência do complexo, três em estado grave. O Allegheny General Hospital recebeu mais dois feridos e um porta-voz disse que ambos não corriam risco de morte. Um porta-voz do Hospital St. Clair informou que registrou a chegada de três feridos, um em estado grave.

Fonte: g1, www.g1.com.br